17 de abr de 2017

0

Charles descarta assumir AL com ascensão de Zé Paulo a prefeito de Santa Rita


O prefeito de Cuité, Curimataú paraibano, e primeiro suplente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Charles Camaraense (PSL), descartou assumir a cadeira de deputado estadual com a ascensão do deputado Zé Paulo (PSB) a prefeito da cidade de Santa Rita, Região Metropolitana de João Pessoa. Segundo colocado na disputa municipal, Zé Paulo trava, desde o ano passado, uma briga na justiça contra o prefeito eleito Emerson Panta (PSDB).

As declarações do prefeito da Capital do Curimataú foram feitas em entrevista ao radialista Rafael do Vale, na semana passada. De acordo com Charles, a vaga seria sua, mas não será.

“Se esse processo realmente cassasse o prefeito de Santa Rita e o deputado Zé Paulo viesse a assumir a Prefeitura de Santa Rita, eu já falei que minha missão na Assembleia já foi, dei minha contribuição, passei um ano e eu acredito que foi muito positiva, minha missão agora é outra. Minha missão é Cuité, não abro mão da Gestão Municipal. Eu não fui eleito em 2016 para voltar para a Assembleia Legislativa e sim para ser prefeito de Cuité”.

Ao ser questionado sobre a importância da sua passagem na Assembleia Legislativa para o pleito de 2016, Charles foi enfático. “Sem sombras de dúvidas. No período que estive na Assembleia eu consegui trazer algumas ações e alguns benefícios para Cuité. Isso mostrou para a população a capacidade que nós temos e isso se refletiu nas eleições de 2016, que consagrou a nossa chapa como vitoriosa”, declarou.

CASO EMERSON PANTA

Vitorioso com mais 70% dos votos válidos no pleito de 2016, Panta teve seu registro de candidatura indeferido pelo Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB). Apesar de ter sido considerado inelegível, o tucano teve a decisão revertida no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Contudo, a coligação adversária protocolou um recurso contra o acórdão do TSE com o argumento de que o TRE-PB, ao indeferir o registro de candidatura, deliberou que havia uma burla ao processo judicial eleitoral.

Agora, a coligação “Pra Santa Rita Avançar”, encabeçada pelo então candidato a prefeito Zé Paulo (PSB), protocolou um recurso junto ao Supremo Tribunal Federal (STF) para que o registro de candidatura do prefeito eleito, deferido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), seja julgado pelo STF, o que pode levar o socialista ao Executivo Municipal da terra dos canaviais.

Acompanhe o PoliticandoPB nas redes sociais, Facebook Youtube (Politicando PB)Entre em contato com a redação do PoliticandoPB, através do email politikandopb@gmail.com. Clique aqui e continue acessando o PoliticandoPB.

POLITICANDOPB

Nenhum comentário:

Postar um comentário