16 de fev de 2017

0

Ex-prefeito de Pedra Lavrada fala sobre a reprovação das suas contas pelo TCE


Em entrevista ao PoliticandoPB, o ex-prefeito da cidade de Pedra Lavrada, Seridó paraibano, Roberto Cordeiro (PSB), falou sobre a reprovação das suas contas pelo Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB), nesta quarta-feira (15). A falta de recolhimento das contribuições previdenciárias acarretou a desaprovação das contas de 2014 do ex-gestor.

Ao analisar as contas, o conselheiro substituto Antonio Gomes Vieira Filho, relator do processo, contestou a falta do repasse da contribuição previdenciária dos servidores para o Instituto de Previdência do Município. De acordo com Roberto, diante do quadro de funcionários da prefeitura e dos reflexos da crise, o mesmo tinha que optar entre pagar a folha de pessoal ou a contribuição previdenciária. “O dinheiro não dava para repassar, ou passava ou pagava aos funcionários. Eu fiz a opção de pagar o salário do servidor”, explicou.

Roberto declarou que parcelou a dívida junto ao Instituto de Previdência e manteve as parcelas em dia até a sua saída da prefeitura, no entanto, o relator não acatou o parcelamento e optou pela reprovação. “O que foi apontado como débito foi parcelado e as parcelas que se venceram até dezembro foram pagas”, disse.

O ex-prefeito destacou que o mesmo fato ocorreu no ano passado quando ele teve suas contas de 2013 reprovadas pelo mesmo motivo e ao entrar com recurso a decisão foi reformulada. Ele adiantou que irá recorrer e fará sua defesa com base na decisão do ano passado, o que deve ocorrer em até 15 após a publicação do acórdão com a reprovação das suas contas.


POLITICANDOPB
Imagem: Anderson Eliziário

Nenhum comentário:

Postar um comentário