23 de nov de 2016

0

Prefeito eleito de Nova Floresta diz que não foi comunicado sobre AIJE


O prefeito eleito da cidade de Nova Floresta, Curimataú paraibano, Jarson Santos (PSB), declarou, no início da manhã desta quarta-feira (23), que ainda não foi comunicado sobre uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE), na qual o mesmo é investigado, junto com o atual prefeito João Elias – Meu Louro (DEM), por crime eleitoral. Os atos teriam sido cometidos no pleito eleitoral deste ano.

De acordo com uma publicação do blogueiro Dema Macedo, o juiz Phillipe Guimarães, da 24ª zona eleitoral, teria expedido uma intimação, na última terça-feira (22), ao atual gestor e ao prefeito eleito para que os mesmos, em um prazo de cinco dias, comparecessem a uma audiência para apresentar defesa diante das denúncias de captação ilícita de votos e abuso de poder político e econômico.

Em entrevista ao PoliticandoPB, Jarson declarou que ainda não recebeu nenhuma intimação e enfatizou que, assim que receber, cumprirá o seu amplo direito de defesa e irá provar que não cometeu nenhum crime eleitoral.

A denúncia foi impetrada pela coligação “A força do povo faz a mudança", composta pelos partidos PMDB, PSDB, PTB e PV.


PoliticandoPB

Nenhum comentário:

Postar um comentário