28 de nov de 2016

0

Olivânio diz que processo é tramoia, ataca imprensa e diz que não existe ação no TSE


O prefeito eleito da cidade de Picuí, Olivânio Remígio (PT), comentou, no último sábado (26), a matéria veiculada no Jornal Correio da Paraíba do último dia 24 de novembro que traz o seu nome como um dos prefeitos eleitos da Paraíba que podem não assumir o mandato por estarem com seus registros de candidatura questionados junto a Justiça Eleitoral. A matéria foi replicada pela imprensa local, que foi duramente atacada pelo petista. Olivânio ainda disse que não há processo e que tudo isso é uma tramoia.

Com o título “12 cidades podem ficar sem prefeitos”, a matéria do Jornal Correio da Paraíba, assinada pela jornalista Adriana Rodrigues, foi rapidamente replicada pelos meios de comunicação do Curimataú e do Seridó paraibano, com ênfase no único prefeito eleito da região citado na publicação. No entanto, o petista disparou contra a imprensa chamando-a de “jabazeira”.

“É inconcebível um deputado ficar nas tramoias, articulando pela imprensa jabazeira, que é paga muitas das vezes para disseminar mentiras, disseminar ódio, ficar tentando desestabilizar um processo que foi dado pelo povo”, disparou Olivânio.

O prefeito eleito ainda fez questão de enfatizar que não existe nenhuma ação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) contra o mesmo. “O que existe é uma ação que eles perderam que questionava a participação do PROS na chapa majoritária”, disse.

De acordo com a publicação, além de Olivânio, outros 11 prefeitos eleitos paraibanos estão com os registros de candidatura questionados. Se a palavra final da Justiça Eleitoral for pelo indeferimento de suas candidaturas, eles não serão diplomados e quem vai assumir o comando das Prefeituras serão os presidentes das Câmaras, até que a Justiça Eleitoral convoque eleições suplementares.


PoliticandoPB
Imagem: Creative

Nenhum comentário:

Postar um comentário