5 de nov de 2016

0

Nonato Bandeira admite disputar Câmara Federal


O vice-prefeito de João Pessoa, Nonato Bandeira, que deixa o cargo no dia 31 de dezembro, revelou ao site Os Guedes que vai se dedicar a tarefas internas referentes à reestruturação do PPS no Estado. Ele negou que o governador Ricardo Coutinho tenha tratado do seu aproveitamento em cargo de secretaria na administração estadual.

Nonato foi secretário de Comunicação Social na primeira gestão de Coutinho como governador e ocupou também a Secom e a chefia de Gabinete quando Ricardo foi prefeito de João Pessoa. Se houver espaço na conjuntura futura, a pretensão de Nonato Bandeira é a de disputar uma cadeira na Câmara dos Deputados.

Ele considera que a representação parlamentar do Estado em Brasília, salvo algumas exceções, não tem correspondido às expectativas da opinião pública e deixou-se “engolfar” por divergências que em última análise prejudicam o desenvolvimento do Estado ou interrompem projetos de vulto em perspectiva e cuja execução está condicionada a uma parceria com a administração estadual.

“A persistência da politicagem em algumas atitudes de parlamentares é danosa para a população paraibana e eu quero contribuir, objetivamente, para a defesa dos interesses do nosso Estado”, acrescentou, salientando que a indicação como candidato à Câmara será submetida ao crivo das lideranças filiadas ao PPS no Estado.

Nonato faz votos de que o prefeito reeleito Luciano Cartaxo consiga avançar em políticas públicas que beneficiem as camadas mais carentes da população de João Pessoa durante o segundo mandato a se inaugurar em janeiro. “É preciso que haja uma agressividade maior na consecução de obras e investimentos de fôlego reivindicados pela população da Capital”.

“E não só o prefeito como os seus novos aliados precisam ter sensibilidade para tanto”, emendou. Nonato Bandeira disse que a experiência na administração pessoense, de qualquer forma, foi proveitosa para o seu crescimento pessoal e conhecimento de aspectos da máquina administrativa.

Fonte: OS GUEDES

Nenhum comentário:

Postar um comentário