31 de out de 2016

0

População vem sendo “punida” por prefeitos derrotados na Paraíba


Diante da derrota nas urnas prefeitos de alguns municípios paraibanos estão abandonando as administrações municipais. São salários de servidores atrasados, Postos de Saúde da Família (PSFs) fechados ou sem médicos e até mesmo lixo acumulado pelas ruas. A população acusa os gestores de descaso e reclamam da situação de caos.

O advogado especialista em Direito Administrativo e Gestão Pública, Marco Villar, que compõe Comissões de Transição em alguns municípios, disse que a situação preocupante acontece em cidades como Alhandra, Curral de Cima e Riachão do Poço. Segundo ele, a sensação é de que os prefeitos estão tomando todas as medidas para prejudicar os sucessores eleitos.

“Estão adotando posturas não republicanas a exemplo de incorporação de gratificações, aumento na folha de pessoal e realizando parcelamento da previdência, o que vai onerar o próximo prefeito de forma substancial. Além dos concursos públicos que tinham sido realizados há dois anos e que agora os aprovados estão sendo convocados”, revelou o advogado.

Marco Villar disse ainda que em Juazeirinho o atual prefeito pretende convocar cerca de 240 aprovados no último concurso público, realizado há quatro anos. “Só agora o atual prefeito quer fazer a convocação justamente para que o prefeito eleito já assuma com essa responsabilidade do pagamento. Então são esses tipos de posturas que estão prejudicando os prefeitos eleitos. E não existe nenhuma medida que esteja sendo tomada para coibir essas práticas por parte do Tribunal de Contas ou dos órgãos judiciários, porque o Tribunal se preocupa em que haja a transição, mas quanto essas atitudes que estão sendo tomadas, não existe qualquer ação”, disse.

Jornal Correio da Paraíba

Nenhum comentário:

Postar um comentário